Uma apaixonante e esplendorosa terra, um magnífico povo! Será brilhante seu futuro, construído por todos os que têm Angola no coração, que nela ou na diáspora trabalham e com amor criam suas famílias.

Quinta-feira, 14 de Março de 2019
Reencontro

Não sei quem é o autor da foto. Mas sei que significado profundamente simbólico essa imagem trouxe aos descendentes dos fundadores do Lubango na diáspora. 

8F4784A3-9FF0-4364-A852-75525CE600A6.jpeg

 


marcadores:

publicado por zé kahango às 11:59
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2019
de Bimbe para Angola Profunda

1545128B-5891-4F45-9CC5-C9BB79BE5EA4.jpeg

Criado há quase treze anos, este blogue acaba de atingir os dois milhares de posts.

A sua história desenrolou-se um tanto ou quanto irregularmente, com hiatos que permitem distinguir três fases: 1ª) de 2006 a 2009; 2ª) de 2012 a 2014; 3ª) desde 2017.

No decurso desses períodos, a edição do blogue foi-se adaptando às evoluções das tecnologias de informação. Alguns suportes tornaram-se obsoletos, como algumas plataformas para fotos, razão pela qual há antigos posts que se “esvaziaram”. Nos dias de hoje,  podemos dizer que a edição e a divulgação é mais ágil, nomeadamente graças às redes sociais. Essas comunidades virtuais não substituem a função dos blogues - antes se complementam, observando-se por vezes verdadeiras parcerias (por exemplo, citamos a bela página do Facebook “Angola Ambiente”, onde  temos colhido grande número de esplêndidas fotos, a cujos autores expressamos a devida vénia).

Em termos de motivação, digamos que ultrapassámos o limiar temporal amadorístico, sem que tenhamos adquirido ainda o know-how próprio dos patamares profissionais. Procuramos fazer um trabalho divulgador de temas pouco conhecidos, multifacetado, que possa servir ao desenvolvimento de um novo e grande País.

Assim vamos mantendo este apaixonante hobby, sem preocupações de avaliar estatisticamente o seu impacto. Basta-nos saber que somos visitados - em média 22 visitantes por dia no último ano, de ambas as margens do Atlântico - por interessados ou apaixonados por Angola, como nós. Nessa utilidade, ainda que modesta, consiste o nosso humilde contributo.

Aqui, neste espaço etéreo, sem qualquer suporte publicitário, investimos o ouro do nosso tempo pessoal, cujo produto concretiza a inversão, por artes de misteriosa alquimia, em satisfação da mente, em alimento do coração.


marcadores:

publicado por zé kahango às 00:04
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2019
melhorando...

A nossa própria esperança se renova de cada vez que na comunidade universal surgem pessoas que nos tocam com as suas palavras, que nos levam a acreditar nas suas convicções. A credibilidade que lhes concedemos - ainda que temporária - alimenta a nossa fé, fugazmente. Tão pouco basta para nos movermos. Uma pequena ilusão basta para sermos generosos. Um gesto ou uma palavra nossa, num desses momentos, melhora o mundo, milimetricamente. Todavia, o calor que gera nos corações amplifica as esperanças e os sonhos de muitos que conseguimos alcançar. 


marcadores:

publicado por zé kahango às 09:32
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2019
O meu amigo Jajão

9F5021B0-B99B-4D9F-B3AA-3AA11E1C9D7C.jpeg

Mais do que confraternizar no Clube Naval de Luanda, a maior felicidade do meu amigo Jajão era poder sentar-se ao lado dos sekulos mucubais, partilhando sabedorias cristalizadas no tempo... Amava o seu deserto do Namibe, que atravessou vezes sem conta, trilhando as picadas mais áridas do seu adorado Iona, peregrinando os derradeiros caminhos em que um seu malogrado filho seguia...

Publico aqui, em sua homenagem, o meu poema "África":

 

De rios e mar me fales, sem peneiras,
sei que bem podes, traz tua maré;
traz-me córregos, regatos, cheias até:
que fale a pura água de tantas maneiras...

Sabemos quando o trovão soa distante,
como tudo se interrompe nesse instante;
e p'ra que lado se volta a nossa memória:
correndo p'ro lado mais doce da História...

É a mãe África que de longe nos chama...
a mãe de todos nós, a Natureza eterna,
a Fonte das Águas, a chuva e a fogueira.

E caso estendas no deserto a tua cama,
sob o estrelado céu do estranho Iona,
lá, virão os pastores kuvale à tua beira.

marcadores:

publicado por zé kahango às 19:04
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Domingo, 6 de Janeiro de 2019
O Prospector

F23DA282-68CE-4EB2-993C-6782062D1089.jpeg(in http://angolafieldgroup.com/palanca-negra)

 

Natural de Moçâmedes, a missão que toda a vida voluntariosamente assumiu com a sua amada Angola consistia em contribuir com o seu vastíssimo conhecimento técnico para que não faltasse água a nenhum angolano.

 

14649768_qnI8Z.jpg

 

Falecido aos 75 anos, a quem caberá dar continuidade à nobre missão que MJ Pimentel Teixeira desempenhava?

 


marcadores:

publicado por zé kahango às 19:49
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 28 de Setembro de 2018
Angola

Como paulatinamente se veio a definir no decurso de doze anos desde que foi criado, a opção deste blogue é pela seleção e destaque das coisas positivas que acontecem no exaltante país que é Angola. Uma apaixonante e esplendorosa terra, um magnífico povo, tudo tem para um futuro brilhante. Construí-lo-ão todos os que têm Angola no coração, que nela (ou mesmo na diáspora...) trabalham, criando suas famílias com amor. 


marcadores:

publicado por zé kahango às 14:34
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018
Novidades e continuidade

1. Procedeu-se a uma profunda revisão da lista de 'links'. Foram eliminadas todas as ligações que não funcionam, assim como as que ligam a blogues inactivos há mais de dez anos. Note-se que alguns domínios que albergavam 'sites' antigamente referidos neste blogue atualmente apresentam-se em chinês (!), pelo que também foram excluídos. Contamos convosco para sugestões de novas ligações.

2. Angola Profunda continuará um blogue de cultura, informação e opinião. Aqui os comentários são espaços de livre e responsável expressão do pensamento. Participem!


marcadores:

publicado por zé kahango às 19:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
Esperança renovada...

Sinais de novos tempos, novas vontades, sempre motivam o renovar da esperança.

Por isso, justifica-se e impõe-se que também este blogue se renove.

Começamos hoje esse trabalho, na senda da utilidade pública que sempre nos norteou.


marcadores:

publicado por zé kahango às 11:23
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 10 de Julho de 2014
Por que tenho de explicar?

 

Por que tenho de explicar

o que minha alma sente

quando meus olhos vêem

as sombras calmas sobre a rua,

das árvores da terra da casa,

alinhadas e de tronco pintado,

ao longo de lancis gastos do que foi passeio?

 

Por que tenho de explicar

o que minha alma sente

quando meus olhos vêem

casas térreas e tranquilas

sob a doce luz de Angola,

sob o arrulhar de rolas,

sob um eterno tempo?

 

Por que tenho de explicar

a calma que minha alma sente?

 


marcadores:

publicado por zé kahango às 12:12
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 12 de Junho de 2014
preservar...

 

 

A atitude de preservação não é algo a ser restrito apenas a espécies que nos enchem a vista de admiração e beleza, como a esplêndida palanca negra. Preservar deve ser uma atitude mais ampla, englobando também o respeito pelo meio ambiente, em que vivemos e de que necessitamos para o nosso bem-estar. Por isso não aplaudimos tudo o que aparece como consequência de um progresso cego.

 

 

 

 

Quando desrespeitamos o meio ambiente, agredimos a nossa própria natureza. Não se trata de saudosismo nostálgico, pois no passado muitas agressões à natureza e aos homens foram feitas, também em nome do dito progresso. Mas a civilização não é só desenvolvimento material. A par dos ganhos de bem-estar tem de haver consciencialização da importância de preservar os valores humanitários. Por isso julgamos ter de aqui manter algumas memórias, pois também a história e a cultura têm de ser preservadas. A bem da cultura das novas gerações, há na história muitos exemplos de erros a evitar repetir. Assim como lições de vidas de trabalho, cujos frutos ainda hoje se colhem.

 

marcadores:

publicado por zé kahango às 12:18
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 20 de Março de 2014
ulinga ô-manima ê-chinana!...
O blogue faz hoje oito anos!



Por meus filhos já regresso
a esta sanzala de novo;
por meu chão, por meu povo,
de Angola nunca me despeço.

Por meu filho, meu coração,
minhas lágrimas de alegria,
pelas picadas percorreria,
por mim, pela minha paixão!

marcadores:

publicado por zé kahango às 22:04
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 2 de Dezembro de 2013
Atualização

Conforme podem ver, o nosso contador foi atualizado. Continuamos a receber visitantes de todo o mundo. Luanda, Lisboa e São Paulo continuam a ser as cidades onde mais internautas acedem ao Angola Profunda. As estatísticas podem assim indiciar que o interesse pelo nosso trabalho se mantém, constituindo-se este blogue numa importante fonte de informação sobre Angola, muito procurada. Não fazemos concorrência a ninguém nem a nenhum outro blogue angolano - que são muitos, entre os quais alguns muito bons! A qualidade do que fazemos não se insere em lógicas de mercado. É tão simplesmente uma paixão que se partilha. Sentimo-nos recompensados ao imaginar os olhos que se iluminam com as fotos, ou os sorrisos que surgem pelo que aqui se possa ler.


marcadores:

publicado por zé kahango às 18:48
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 20 de Março de 2013
pando-ware

Sete anos.


marcadores:

publicado por zé kahango às 00:03
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 14 de Março de 2013
S. Francisco de Assis

marcadores:

publicado por zé kahango às 09:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Quarta-feira, 21 de Novembro de 2012
Uma nova fase

Os nossos frequentadores habituais certamente se aperceberam de algumas modificações, recentemente ocorridas neste blogue. Primeiramente, queremos destacar o facto de que contamos com uma equipa de colaboradores mais alargada, o que indubitavelmente trará mais valia aos conteudos que aqui vão sendo "postados". A lista de ligações que pomos à disposição foi revista, depurada e alargada, procurando manter referências de qualidade e diversidade, no sentido de abranger um leque cada vez mais amplo, que satisfaça a procura de informação dos nossos visitantes. Foram efectuados alguns ajustes gráficos, mantendo a simplicidade como nosso estilo próprio, o que simultaneamente, do ponto de vista informático, garante a facilidade e rapidez no acesso. Ao Angola Profunda afluem diariamente cerca de uma centena de visitantes, espalhados por todo o globo, maioritariamente situados nos vértices do triângulo lusófono atlântico Angola-Portugal-Brasil. Consideramos nossa missão continuar a trabalhar para prestar um serviço público gratuito, designadamente promover o conhecimento da nossa grande Angola.


marcadores:

publicado por zé kahango às 15:33
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 10 de Setembro de 2012
Angola

Todos os que temos gratas memórias da grande e maravilhosa terra de Angola, vivemos-la no nosso coração.

Essa memória nos segue pela vida, umas vezes em silêncio, outras vezes despertando nostálgicas emoções.

Tal como da nossa natureza, do destino é impossível fugirmos. Do que nos indelevelmente marcou. Daquilo que foi formando aquilo que viemos a ser.

É uma âncora, que nos impede de perdermos a umbilical relação. É também a cultura que bebemos com o primeiro leite.

Essa cultura e esse lastro luso-tropical de valores que muitos ignoram e alguns também por ignorância ou maldade desprezam. Essa cultura luso-tropical permanece e resiste, como herança dos portugueses dos descobrimentos, a primeira globalização.

Esse Humanismo universalista que em Portugal hoje é apenas residual e mal-querido. Essa Angolanidade e essa Portugalidade que nos respectivos territórios é tão mal tratada.

Esses valores que - ao expressá-los - nos fazem sermos apodados de retrógrados saudosistas. Deles não desistimos: não são uma moda obsoleta que se troque por outra mais recente. Mantemo-nos como reserva desses padrões.

Algo o distanciamento (da terra, da segregação cultural) nos deu: a emoção madura da visão histórica, a razão despida das ilusões ideológicas.


marcadores:

publicado por zé kahango às 10:06
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sexta-feira, 16 de Outubro de 2009
Persistindo...

Surpresa atrás de surpresa, assim se vai alimentando a persistência.

Aqui vamos dando notícia dos construtores da Nova Angola.

Aqui vemos crescer a esperança, alicerçada em obras, em projectos.

Aqui valorizamos o positivo.

Aqui estão presentes os rostos, os olhares, a Alma dos Angolanos.


marcadores:

publicado por zé kahango às 09:26
link do post | comentar | favorito

Editor e Redator:
José "Kahango" Frade
marcadores

a nossa gente

a nossa terra

crónica

cultura

editoriais

livros

memórias

o futuro é já hoje

poesia

todas as tags

pesquisar
 
posts recentes

Reencontro

de Bimbe para Angola Prof...

melhorando...

O meu amigo Jajão

O Prospector

Angola

Novidades e continuidade

Esperança renovada...

Por que tenho de explicar...

preservar...

ulinga ô-manima ê-chinana...

Atualização

pando-ware

S. Francisco de Assis

Uma nova fase

Angola

Persistindo...

Jantar da ANANG

Obrigado!

vou cuidar do meu rebanho...

reflictamos...

moshi, vari, tato

Inaceitável

comemorando o milésimo "p...

um susto...

últimos comentários
E o Rio Cubal desagua em Moçâmedes na provincia do...
E uma rã de especie rara e possivelmente so encont...
Gostei muito de ler os vossos post, realmente quan...
Nosso pais com tantas maravilhas Noticias de angol...
Caro Carlos: Estive a apreciar a sua página, que o...
Gostei muito da materia quem dera um dia publicar ...
Gostei muito da materia quem dera um dia publicar ...
Alguns botânicos suspeitam que na peculiaridade da...
Ah ah ah! Bem visto! Por vezes a erudição vem acom...
Muito obrigado pela contribuição! Incluirei o link...
Então o jornal Cultura publica uma fotografia de u...
Ah, desculpe, pensei que fosse um desafio... Eu ta...
Também me parece, mas gostava de saber como se cha...
É uma pequena rã com as patas encolhidas, vista de...
Agradeço, mas o mérito não é meu. Como pode ver pe...
Boa tarde.Li e gostei deste excelente texto. Melho...
Não esquecer ainda o Parque Nacional do Bicuar...
Obrigado. Estamos à espera dos teus lindos poemas,...
De facto, para familiares e amigos, é uma triste p...
Obrigado pela resposta. De qualquer modo, mesmo nã...
posts mais comentados
3 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
1 comentário
1 comentário
1 comentário
Equipa do blogue
Coordenadora do Conselho Redatorial: Paula Duarte (A-Santa-Que-Me-Atura...) PAINEL DE COLABORADORES: Dionísio Sousa (Cavaleiro dos Contos), "Funka" (Nobre Reporter Permanente), João "Neco" Mangericão (Moçâmedes), Jorge Sá Pinto (Assuntos Arqueológicos), José Silva Pinto (Crónica Quotidiana), Mané Rodrigues (Assuntos Culturais), Paulo Jorge Martins (Fauna Grossa), Ulda Duarte (Linguística da Huíla), Valério Guerra (Poeta Residente).
ligações
arquivos

Março 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Maio 2017

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

o nosso contacto:
munhozfrade@gmail.com
subscrever feeds
blogs SAPO