Uma apaixonante e esplendorosa terra, um magnífico povo! Será brilhante seu futuro, construído por todos os que têm Angola no coração, que nela ou na diáspora trabalham e com amor criam suas famílias.
Terça-feira, 29 de Dezembro de 2020
Escola Virtual Angolana (II)

A acção desenvolvida ao longo de uma semana, (18 e 22 de Maio de 2015) com professores de escolas da Província de Benguela, constituiu uma das etapas da avaliação dos recursos pedagógicos do Projecto “Escola Virtual Angolana”. Ciente da importância desta etapa para o projecto, a direcção da Sistec S.A. providenciou e mobilizou os recursos necessários para que todos os trabalhos de formação e de experimentação se desenvolvessem da melhor forma. Além da equipa de formação e de formandos, colaboraram no seminário representantes do INIDE e do Ministério da Educação, designadamente a Eng.ª Julieta Octávio, a Dr.ª Glória Gama e o Dr.º Artur João.

Como objectivo principal desta etapa da missão de trabalho, pretendeu-se formar um conjunto de professores dinamizadores da utilização do Projecto Escola Virtual Angolana (EVA), de seis escolas de ensino presencial, da 4ª à 12ª classe, de diferentes localidades na Província de Benguela, a fim de se testarem as aulas propostas na EVA.

O seminário de formação decorreu na Escola do Magistério Primário da Catumbela, com o grupo de 52 professores previamente selecionados pelos respectivos Directores das escolas com a aprovação do Director Provincial. As escolas selecionadas foram as do II ciclo do Ensino Secundário da Baía Farta, Escola Secundária dos Navegantes, Escola do I ciclo Major Saydi Mingas, Escola Primária Sagrada Esperança, ambas da cidade do Lobito, Escola 22 de Dezembro do Bocoio e ainda Escola Primária da Casa do Gaiato (a pedido da Direcção).

Os assuntos abordados no seminário, com maior relevância foram os seguintes:

apresentação dos objectivos e conteúdo da formação;
apresentação do conceito e objectivos do projecto;
apresentação e análise da estrutura do plano de estudos da plataforma Moodle;
apresentação dos meios técnicos para utilização da plataforma em sala de aula e noutros contextos;
inscrição dos formandos/alunos na plataforma;
exploração e apresentação das ferramentas de comunicação da plataforma;
estrutura e recursos dos temas/aulas na plataforma;
simulação de utilização das aulas publicadas, explorando alguns recursos das aulas;
utilização de formulários para registo das observações/avaliações;
debate sobre a dinâmica de aula com os recursos EVA.
 

Como resultado final foi realizada a avaliação pelos próprios formandos do que resultou no seguinte:

- o reconhecimento dos recursos da plataforma, como uma mais valia para o processo ensino-aprendizagem, é considerado por 98% dos formandos. Neste âmbito, muitos foram os professores que evidenciaram a sua motivação em utilizar a plataforma com o intuito de  diversificar e dinamizar as suas aulas, estimulando os próprios alunos, visto que há facilidade de contextualização dos recursos ao quotidiano do aluno;

- mais de 75% dos formandos consideram que a plataforma é um bom/excelente instrumento na sua  prática docente;

- 98% dos formandos considerou que o grupo apresentou um nível de motivação elevado, perspectiva também compartilhada pelo grupo de formadores, atendendo aos momentos enriquecedores de partilha e de discussão que foram criados;

- a necessidade de infraestruturas adequadas à formação, nomeadamente computadores e acessibilidade a Internet fiáveis, conforme é possível verificar nas críticas e sugestões apresentadas no formulário de avaliação;

- o facto de se poder alongar o período de formação para as necessidades sentidas por parte dos professores, aspecto que se destaca nas críticas e sugestões do formulário de avaliação;

-  como futuras formações foi apontada a necessidade de formação contínua na utilização da plataforma, assim como nas áreas disciplinares, nomeadamente: na monodocência; o ensino das Ciências através do trabalho laboratorial; Matemática da 6ª classe; e Educação Moral e Cívica, entre outras.

Formação de alunos do último ano de formação do Magistério Primário foi organizado a pedido dos professores da Instituição de forma a que eventualmente pudessem usar recursos nas suas sessões de prática docente e depois do estágio.

Os alunos de  5 turmas participaram em sessões de trabalho de 3 horas.

Um total de 156 alunos foram apoiados por 5 formadores na exploração de recursos de diferentes temas do programa da 4ª à 6ª classe do Ensino Primário. 

Em complemento da formação de professores foram durante o mês de Junho de 2015 até 27 de Junho, realizadas sessões de trabalho em cada uma das 6 escolas com os professores que participaram na formação no mês de Maio, de forma a consolidar práticas veiculadas na formação nos seus locais de trabalho.

J. Sá Pinto, Coordenador do Projecto EVA



publicado por zé kahango às 14:38
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Editor e Redator:
José "Kahango" Frade
marcadores

a nossa gente

a nossa terra

crónica

cultura

editoriais

livros

memórias

o futuro é já hoje

poesia

todas as tags

pesquisar
 
posts recentes

"DESDE ANTES DA SUA CRIAÇ...

por aqui passaram os expl...

Fuba de bombó

Tomás Lima Coelho - as ra...

Lembra-te Angola - nova s...

Sé Catedral

angolanos na exposição co...

Maravilha, com 830 página...

Ora bem...

Censura, Maldade ou Estup...

do "Panorama Missionário"...

"Missão de S. Bento do Ch...

movimentos “reivindicativ...

ainda sobre o silenciamen...

a "expansão pidesca" em A...

"Angola e as Retóricas Co...

A Baixa de Cassanje

Cassange, há 60 anos...

O que Salazar negou a Ang...

O que Salazar negou a Ang...

A "crise do Ensino Superi...

fases do colonialismo no ...

fases do colonialismo no ...

fases do colonialismo no ...

fases do colonialismo no ...

últimos comentários
Obrigado! Abraço.
Suspeito que a capa deste livro tenha ofendido alg...
Recorde-se, como aqui já foi citada, a importante ...
Mesmo assim, em rigor da verdade há motivações opo...
Sim, é precisamente desse artigo que retirei o que...
Este é um assunto que habitualmente dá origem às m...
Este, é um silenciamento voluntário. Por “má memór...
Essa rede de bufos era uma das causas do silêncio ...
Curioso e interessante. Fica registado. Entretanto...
As ficções sobre África (e também sobre os árabes....
Na verdade, não foi apenas aos colonos de Angola q...
Sim, esse é um livro incontornável para quem se in...
Esta reportagem poderá ser utilizada como um convi...
Obrigado, Karipande!
Neste século XXI, o povo Herero tem sido alvo de d...
Neste documentário, que não é etnográfico, são col...
É um local fantástico! Obrigado pela sua visita. V...
Também vivi na Baia dos Tigres até meados de 1974.
Veja-se um estudo detalhado (em espanhol): http://...
Um grande abraço e votos de 2021 na maior
posts mais comentados
24 comentários
8 comentários
7 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
Equipa do blogue
Coordenadora do Conselho Redatorial: Paula Duarte (A-Santa-Que-Me-Atura...) PAINEL DE COLABORADORES: Dionísio Sousa (Cavaleiro dos Contos), "Funka" (Nobre Reporter Permanente), João "Neco" Mangericão (Moçâmedes), Jorge Sá Pinto (Assuntos Arqueológicos), José Silva Pinto (Crónica Quotidiana), Mané Rodrigues (Assuntos Culturais), Paulo Jorge Martins (Fauna Grossa), Ulda Duarte (Linguística da Huíla), Valério Guerra (Poeta Residente).
ligações
arquivos

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Maio 2020

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Junho 2019

Março 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Maio 2017

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

o nosso contacto:
munhozfrade@gmail.com
subscrever feeds
blogs SAPO