Uma apaixonante e esplendorosa terra, um magnífico povo! Será brilhante seu futuro, construído por todos os que têm Angola no coração, que nela ou na diáspora trabalham e com amor criam suas famílias.
Terça-feira, 23 de Dezembro de 2008
Um Santo Natal...

[IMG_0917.JPG]

 (foto daqui)

... para todos os visitantes do Bimbe!

 

A todos os Pais-Natal que virem, perguntem: onde está o menino-Jesus?


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:59
link do post | comentar | favorito

artesanato (1)


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:58
link do post | comentar | favorito

corrida de S. Silvestre

As delegações da Zâmbia, de Cabo Verde, de Moçambique, do Quénia e do Zimbabwe, cinco dos vários países convidados para a 53ª edição da São Silvestre de Luanda, já indicaram os nomes dos seus representantes.
A informação foi avançada ontem, durante uma conferência de imprensa, pelo presidente da Federação Angolana de Atletismo, Carlos Teixeira. Trata-se de Lizzie Chansa e Tony Wamulwa (Zâmbia), Eva Sanches e Adilson Spencer (Cabo Verde), Albertina Paulo e Francisco Dionísio (Moçambique), Samukeliso Moyo, Sharon Tavengwa e George Majaji (Zimbabwe) e Robert Kirui, Angelina Mutuku e Margareth Okayo (Quénia).
Carlos Teixeira fez saber que alguns contactos estão a ser mantidos com os serviços consulares angolanos em Addis Abeba, para que a Etiópia indique os nomes dos seus representantes na corrida.
Os quenianos Elijah Nyabuti e Grac Momany, vencedores da edição passada, têm a presença garantida nesta corrida, conforme garantiu o presidente da federação.
As delegações estrangeiras começam a desembarcar em Luanda a partir do dia 28. As condições de segurança, logística e do percurso estão asseguradas, segundo Carlos Teixeira, que apelou à participação na prova de todos os munícipes da capital.
A federação vai apoiar a participação na São Silvestre, com dois fundistas em ambas as classes, das associações do Bengo, de Benguela, do Bié, do Huambo, da Huíla, do Kwanza-Norte, do Kwanza-Sul, da Lunda-Norte e do Namibe.
Cerca de 1250 pessoas, entre nacionais e estrangeiras, estão inscritas para a prova de fim-de- -ano, que traz como inovação a corrida das famílias.
As inscrições são gratuitas e estão a ser feitas nas instalações da federação, no Complexo da Cidadela, até ao dia 26. A organização tem disponíveis cinco mil fichas, das quais mil são destinadas aos internautas que visitarem o sítio oficial do evento: www.ssluanda.com.
Uma viatura de marca Suzuky Gimmy será sorteada no final da São Silvestre, informou o presidente da federação. Todos os participantes devidamente inscritos estarão automaticamente habilitados ao sorteio, que terá como base o número do dorsal.
Domingos Castro, director da prova, anunciou que o percurso sofreu um reajuste com a inclusão de uma parte da rua dos quartéis (800 metros) para completar os 15 quilómetros exactos da corrida, do Largo da Mutamba ao Estádio da Cidadela. O tiro de largada será dado às 17h00.

 

(JA)


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:53
link do post | comentar | favorito

estatueta (2)


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:49
link do post | comentar | favorito

literatura infantil

Livro de Nástio Mosquito no espaço Chá de Caxinde


O livro infantil “Pai Natal, a viagem”, de autoria de Nástio Mosquito, lançado quinta-feira no espaço Chá de Caxinde, em Luanda, foi criado especificamente para crianças angolanas em véspera de Natal. A ideia, segundo o autor, é estabelecer uma afinidade entre a tradição do Natal com a realidade angolana.
Para Nástio Mosquito, as crianças africanas, em geral, e as angolanas, em particular, festejam o Natal de maneira muito superficial e fora da sua cultura. Elas desconhecem a origem do Pai Natal, uma lenda importada da Europa pela religião Católica.
Entre os objectivos de “Pai Natal, a viagem”, o autor disse que o livro é um contributo, simples e didáctico, mas, diferente de brinquedos e divertimentos infantis que continuam a ser importados.
“Tudo é importado, porém, não concordo que a figura de Pai Natal, e os brinquedos para os nossos kandengues sejam também importados”, salientou Nástio Mosquito na cerimónia de apresentação do livro.
Das estórias contadas, destaque para a inquietude do Pai Natal que, após uma longa caminhada a partir do Pólo Norte, chega às crianças de vários países africanos, incluindo Angola.
As estórias, apresentadas em 34 páginas, contam ainda com as personagens Tchissoloia Mãe Natal, João, Madalena, Noé, Pedro e Jadus. O livro impresso nas Edições de Angola (EAL), contém ilustrações coloridas de autoria de Rodrigo Sepúlveda. Numa primeira edição foram impressos dez mil exemplares, em papel couché. Nesta ficção infantil, Nástio Mosquito apresenta a convivência do Pai Natal com famílias angolanas da província do Namibe, mucubais.
No conto, o Pai Natal faz a sua nova base no deserto do Namibe, uma criatividade do autor que mereceu o elogio de várias figuras ligadas às artes e à literatura.
A ministra da Cultura, Rosa Cruz e Silva, que assistiu à cerimónia, acompanhada de responsáveis do ministério que dirige, louvou a iniciativa e disse que projectos do género devem ser apoiados desde que dignifiquem a afirmação da identidade cultural angolana.
O director do Instituto Nacional do Livro e do Disco (INALD), António Fonseca, que esteve presente na cerimónia, assim como a directora da Biblioteca Nacional, Maria José Ramos, afirmou que o livro será reeditado pelo Ministério da Cultura no sentido de ser levado a todas as províncias.
Primeira obra literária de Nástio Mosquito, o livro está a ser comercializado ao preço de mil kwanzas, e pode ser adquirido na loja Karibrinca, situada na capital do país.
O autor dedica-se às artes performativas e aos audiovisuais. O livro “Pai Natal, a viagem” é ilustrado por Rodrigo Sepúlveda.

(JA)


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:48
link do post | comentar | favorito

estatueta (1)


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:46
link do post | comentar | favorito

no Lobito...

Empresários israelitas convidados a investir no sector da agricultura

 

A Embaixada de Israel em Angola pretende atrair empresários do seu país para investirem no sector agrícola no município do Lobito, província de Benguela. Por este motivo, o embaixador hebreu Sagui Karni, manifestou essa intenção no final de uma visita oficial àquela localidade.
O diplomata expressou a intenção à imprensa depois de constatar a existência de solos adequados para a prática da agricultura.
“Angola é potencialmente rica em solos para a prática da agricultura, uma área onde Israel tem vasta experiência de trabalho”, expressou o embaixador.
No quadro das boas relações existentes entre o Estado angolano e Israel nos diversos domínios, segundo Sagui Karni, é possível criar instrumentos legais que propiciem os investimentos no sector da agricultura na província de Benguela, sobretudo no município do Lobito.
Israel, para o diplomata, tem meios que permitem relançar a agricultura em grande escala, caso haja receptividade da parte das autoridades angolanas.
O administrador municipal do Lobito, Amaro Segunda Ricardo, disse no encontro com o diplomata israelita que o município tem mais de 30.000 hectares de terras próprias para o desenvolvimento da agricultura e que, neste momento, se aguardam apenas investidores.O vice-governador de Benguela, João Evangelista Basílio, pediu à Embaixada de Israel e à administração municipal do Lobito para definirem projectos concretos de modo a passar-se das simples intenções para a prática.
Para o governante, nesta fase em que o país está a relançar a economia e actividade agrícola, são bem-vindos à província os projectos e as iniciativas de empresários angolanos e estrangeiros.
Durante a sua estada, de menos de 24 horas, o diplomata israelita visitou o Centro Oftalmológico de Benguela, o Comando da Zona Aérea Centro, na Catumbela, onde se encontram três israelitas a ministrar cursos de pilotagem.
 

(JA)



publicado por zé kahango às 02:37
link do post | comentar | favorito

mopane

 

em Kimbo Lagoa


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:36
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

de arrepiar...

 

Autor da cirurgia diz que aprendeu medicina nas matas e usa “técnica portátil”

Mulher morre no hospital vítima de falso cirurgião


Filipe Eduardo (JORNAL DE ANGOLA)

Faustina Chilombo, 37 anos, foi submetida a uma intervenção cirúrgica ao abdómen no dia 28 de Novembro, num centro médico em Viana, por um indivíduo que se dizia médico e especialista em cirurgia. Morreu por volta da meia-noite do passado domingo, no Hospital Josina Machel, quando a equipa médica do serviço de urgência tentava corrigir os graves erros cometidos pelo falso médico, já a contas com a justiça.
Tarde de domingo, 14 de Dezembro. Uma mulher geme com dores e tem febre alta. Está na “enfermaria” de um “centro médico” onde lhe foi operada a barriga por um charlatão que diz ser médico e cirurgião. Faustina Chilombo, residente no Morro da Luz, no bairro da Samba, deu entrada há 19 dias no centro médico Tchinguela II, localizado na rua do Acal, quilómetro 14, casa sem número, município de Viana. Xavier Afonso, marido de Faustina Chilombo, e um funcionário do centro, partiram há duas horas à procura do “médico” que efectuou a intervenção cirúrgica.
Silas Afonso, irmão de Xavier, técnico de saúde num dos hospitais públicos de Luanda, está cada vez mais preocupado com o estado de saúde da cunhada, mas não pode tirá-la do centro sem um relatório do médico assistente.
Por volta das 16 horas, a situação piorou. O enfermeiro de serviço não tem solução. Ele só sabe dizer que nada sabe. Deixa toda a responsabilidade para o médico, que demora a chegar.
Já ao cair da noite, um táxi parou em frente ao centro com três ocupantes: o presumível médico, Xavier Afonso e o motorista. Já no consultório do “médico”, Silas Afonso, cunhado de Faustina, troca impressões com ele, mas este, talvez devido ao estado preocupante da sua paciente, não diz coisa com coisa. Por volta das 18 horas, decidem transferir Faustina Chilombo para o Hospital Josina Machel. Quando era meia-noite, a doente faleceu, apesar dos esforços da equipa médica de serviço.

As palavras de Xavier

Xavier Afonso diz que a sua mulher deu entrada no centro médico Tchinguela II no dia 26 de Novembro, para ser tratada. Pagou 700 dólares à cabeça, para aceitarem o seu internamento. O “médico” disse que Faustina Chilombo tinha de ser operada. A doente tinha feito análises na Clínica do Prenda que foram dadas ao falso cirurgião. Xavier Afonso diz que “durante a operação, numa sala aqui do centro, ele tirou da barriga da minha mulher um bicho e disse que era apendicite”.

O falso cirurgião

Marcelino Armando disse que foi médico cirurgião, durante 17 anos, nas matas das áreas controladas pela UNITA. Quando lhe perguntaram onde tirou o curso, respondeu: “as pessoas não entendem, porque eu vivi mais tempo na UNITA e fiz as minhas experiências lá no mato e mais tarde o curso no Lubango. Desde a hora que eu precisei para entrar na carreira da saúde, esta é a experiência que eu tenho na minha vida”.
Marcelino Armando disse à nossa reportagem que, entretanto, fez “aumento de sabedoria de alguém que se quer desenvolver”. E acrescentou: “fiz o meu curso especial em 1997”. Sobre a intervenção cirúrgica que fez à Faustina Chilombo, Marcelino Armando disse: “pela experiência, para mim, acho que é grande cirurgia, mas vejo-a como uma experiencia normal na minha vida, porque já me deu tempo de viver nesta causa”.
A reportagem do “JA” percorreu as instalações do centro médico, mas não viu um bloco operatório nem coisa que se pareça. Insistimos saber junto do “cirurgião”, onde eram feitas as operações, mas ele foi lacónico: “a técnica que eu uso é portátil”.

 

 


publicado por zé kahango às 02:33
link do post | comentar | favorito

formiga-leão

 

em Kimbo Lagoa


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:32
link do post | comentar | favorito

aeroporto de Luanda

Aeroporto de Luanda será requalificado
Fonte: Apostolado - Editado por AD   
ImageO aeroporto 4 de Fevereiro, localizado na capital angolana, vai ser alvo de uma requalificação profunda, ao mesmo tempo que Angola se prepara para o novo aeroporto internacional.

As obras no actual aeroporto de Luanda vão ficar a cargo da Somague, uma empresa portuguesa que esteve envolvida na construção de alguns dos estádios do Euro 2004, em Portugal.

O contrato assinado entre a Somague e o governo angolano envolve verbas na ordem dos 74 milhões de dólares (56 milhões de euros), segundo informações oficiais.

Anualmente, o aeroporto 4 de Fevereiro tem capacidade para receber somente cerca de 1,2 milhões de passageiros, o que é insuficiente perante a crescente procura.

No âmbito do projecto de ampliação e requalificação (onde a empresa brasileira Odebrecht também irá tomar parte), o aeroporto verá aumentada a área de recepção de bagagens e de balcões de atendimento e ainda a capacidade das salas de embarque.

A área de entrada e saída dos aviões também verá as suas condições melhoradas. No exterior do edifício, o parque de estacionamento que serve o aeroporto terá uma lotação maior.

Ao todo, o projecto em questão deve demorar o período de um ano até estar concluído. Augusto Tomás, ministro que tutela a pasta dos Transportes, citado pela imprensa estatal angolana adiantou que o grande objectivo da requalificação passa por «eliminar os constrangimentos provocados pela grande procura que se verifica actualmente».

Esta solução é, porém, transitória, já que a ideia de um novo aeroporto, cujas obras já se haviam iniciado mas que foram entretanto interrompidas, volta a ver a luz do dia.

As obras do novo aeroporto devem ser retomadas em breve, como foi adiantado durante a visita do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, a Comuna de Bom Jesus, local que irá albergar o aeroporto internacional, a quarenta quilómetros da capital.

Estas informações surgem numa altura em que as companhias aéreas angolanas enfrentam proibição de voar para a Europa, devido a problemas de segurança.

Quando concluído, Angola poderá finalmente receber a ilustre visita de um gigante dos céus, o Airbus A-380, o maior avião de passageiros do mundo.



publicado por zé kahango às 02:25
link do post | comentar | favorito

Kissonde, ampliada...

 

Kissonde

 

 

em Kimbo Lagoa


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:24
link do post | comentar | favorito

fim ao analfabetismo

Angola vai usar método cubano de ensino na campanha de alfabetização
Fonte: Agência Cubana de Notícias - Editado por AD   
ImageO método cubano de alfabetização “Yo sí puedo” (Sim, eu posso) será utilizado num programa orientado para erradicar o analfabetismo em Angola.

Luísa Grilo, directora nacional de Educação Geral do país africano, anunciou que no ano 2009 um milhão de pessoas irão ser beneficiadas graças ao incremento dos esforços no programa de Alfabetização, que será apoiado por métodos desenvolvidos no Brasil, Cuba e Angola.

A agência Prensa Latina informou que o Ministério da Educação solicitou a implementação do sistema cubano no início de Março de 2009 nas províncias de Luanda, Benguela, Huambo e Bié, para ser posteriormente estendido a outras áreas da nação.

O primeiro método será aplicado em Fevereiro, em Luanda, como um projecto experimental. Para isso um grupo de 10 professores de Cuba vai viajar à nação africana, nos primeiros meses de 2009.

Os dirigentes angolanos procuram eliminar o analfabetismo até 2014, ou pelo menos reduzi-lo o mais possível para esse ano.

Em África, o método cubano de alfabetização de ensino já foi implementado em Moçambique, Guiné-bissau, Tanzânia e Guiné Equatorial.



publicado por zé kahango às 02:21
link do post | comentar | favorito

Kalenguer


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:18
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

actividade da saúde materna...

Realizados mais de cinco mil partos na Huíla

 

Lubango - Pelo menos 5.435 partos foram realizados, nos últimos três meses, nas diferentes unidades sanitárias da província da Huíla, informou à Angop o chefe do Departamento Provincial de Saúde Pública e Controle de Endemias, Bernabé Lemos.

O responsável fez saber que dos partos 5.297 foram nados vivos, 305 nados mortos, bem como foram registados 30 mortes maternas.

Bernabé Lemos referiu que a maior parte dos partos foram realizados no Lubango, com 3.487, seguido da Matala com 535, Caconda 251, Chibia e Quipungo, com 217, Humpata e Caluquembe 136, Chicomba 79, enquanto que os restantes ocorreram noutros municípios da província.

No período em referência, de acordo com a fonte, foram realizadas a nível dos 14 municípios que compõem a Huíla 27.802 consultas pré-natais normais, assim como 3.685 de risco.

Entretanto, Bernabé Lemos frisou que foram também vacinadas contra o tétano, no âmbito das campanhas de vacinação de rotina nas maternidades, 14.344 mulheres gestantes.

No período igual de 2007, a saúde pública na Huíla procedeu o registo de quatro mil e duzentos e cinquenta partos, dos quais 3.903 foram nados vivos e 347 nados mortos.

 

(AngolaPress)



publicado por zé kahango às 02:12
link do post | comentar | favorito

festa (2)


marcadores:

publicado por zé kahango às 02:07
link do post | comentar | favorito

nova estrada

Via expresso no Lubango

 

A província da Huíla vai, a partir de Julho de 2010, contar com uma via expresso de 37 quilómetros de extensão, cujo acordo de adjudicação foi assinado segunda-feira na cidade do Lubango, pelo Instituto de Estradas de Angola (INEA) e a empresa Terravia, que executa os trabalhos.
Orçada em mais de 25 milhões de dólares, a via começa no desvio do Quilómetro 16, na comuna da Huíla, para quem vem do Cunene, até ao desvio da comuna da Palanca, no município da Humpata, para os veículos provenientes do Namibe.
Segundo o responsável da empresa Terravia, Paulo Mayer, a nova estrada visa facilitar a ligação entre as províncias do Cunene, Huíla e Namibe, sem passar pela cidade do Lubango. “O trajecto começa na rotunda do quilómetro 16 e desemboca na comuna da Palanca, para facilitar o desvio de camiões provenientes das províncias do Namibe e Cunene, evitando a sobrecarga no centro da cidade”, referiu.
O engenheiro do Instituto de Estradas de Angola disse que a via expresso deve ser igualmente importante para os futuros portos secos, previstos para a província da Huíla.
Paulo Mayer informou que os meios para a execução da obra, que vai durar 18 meses, encontram-se já no porto do Namibe, acrescentando que em Janeiro de 2009 começam os trabalhos. O Instituto de Estradas de Angola abre a via em 2010.

 

(JA)



publicado por zé kahango às 02:05
link do post | comentar | favorito

Editor e Redator:
José "Kahango" Frade
marcadores

a nossa gente

a nossa terra

crónica

cultura

editoriais

livros

memórias

o futuro é já hoje

poesia

todas as tags

pesquisar
 
posts recentes

Faculdade de Medicina do ...

Um novo arranque

Reencontro

de Bimbe para Angola Prof...

reunindo...

tranquilidade...

Cubango

rio Cuito

atividade da AAPAN em 201...

mama Himba

Prémio de Mérito

em plena corrida

um par bicudo

uma bela lagartixa

borboletas da Kumbira

no meu quintal

estorninhos

Origens dos Mucuisses

na Lucira

Gente da Huíla

kitawela!

observem as aves...

Programa Angola Jovem (PA...

reduzindo a mortalidade

lugar de silêncio

últimos comentários
E o Rio Cubal desagua em Moçâmedes na provincia do...
E uma rã de especie rara e possivelmente so encont...
Gostei muito de ler os vossos post, realmente quan...
Nosso pais com tantas maravilhas Noticias de angol...
Caro Carlos: Estive a apreciar a sua página, que o...
Gostei muito da materia quem dera um dia publicar ...
Gostei muito da materia quem dera um dia publicar ...
Alguns botânicos suspeitam que na peculiaridade da...
Ah ah ah! Bem visto! Por vezes a erudição vem acom...
Muito obrigado pela contribuição! Incluirei o link...
Então o jornal Cultura publica uma fotografia de u...
Ah, desculpe, pensei que fosse um desafio... Eu ta...
Também me parece, mas gostava de saber como se cha...
É uma pequena rã com as patas encolhidas, vista de...
Agradeço, mas o mérito não é meu. Como pode ver pe...
Boa tarde.Li e gostei deste excelente texto. Melho...
Não esquecer ainda o Parque Nacional do Bicuar...
Obrigado. Estamos à espera dos teus lindos poemas,...
De facto, para familiares e amigos, é uma triste p...
Obrigado pela resposta. De qualquer modo, mesmo nã...
posts mais comentados
24 comentários
9 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
5 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
Equipa do blogue
Coordenadora do Conselho Redatorial: Paula Duarte (A-Santa-Que-Me-Atura...) PAINEL DE COLABORADORES: Dionísio Sousa (Cavaleiro dos Contos), "Funka" (Nobre Reporter Permanente), João "Neco" Mangericão (Moçâmedes), Jorge Sá Pinto (Assuntos Arqueológicos), José Silva Pinto (Crónica Quotidiana), Mané Rodrigues (Assuntos Culturais), Paulo Jorge Martins (Fauna Grossa), Ulda Duarte (Linguística da Huíla), Valério Guerra (Poeta Residente).
ligações
arquivos

Junho 2019

Março 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Maio 2017

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

o nosso contacto:
munhozfrade@gmail.com
subscrever feeds
blogs SAPO