Intensa paixão, tristeza profunda, sagrada esperança...
Sábado, 31 de Maio de 2008
"NAS TERRAS DISTANTES DO “BOI SAGRADO”" - excerto I

 

“Às escuras enfiei para a barraca. Como última precaução passei pela cara e mãos repetidas aplicações de ‘insect repelent’. Depois, tirados os botins, deitei-me vestido.
            Não sei quem foi que disse: “Julgo que é por aqui que se criam todos os mosquitos que há em Angola”.
            De manhã, ao acordar, tinha as pernas até aos joelhos com as marcas de cem picadas de mosquitos.
            Percebi que o meu companheiro, fresco e bem disposto, sorria à socapa. Será que estes homens do mato adquirem imunidades?
            Vencidos os alcantis escalvados das ribas do rio deparou-se-nos a torrente impetuosa, bravia, escoando-se entre fraguedos.
            Os acessos conhecidos para os miradoiros naturais eram agora torrentes caudalosas, intransponíveis. Vegetação luxuriante fechava os horizontes.
            Outros acessos não os encontrámos.
            Quedos, escutávamos o fragor tremendo da cachoeira invisível.
            Para nós foi esse o espectáculo do Ruacaná nas grandes chuvas.
            No regresso, pelo caminho do Calueque, alcançámos a Donguena, onde permanecemos três dias e tanto bastou para que aquelas águas, espraiadas por mulolas e chanas tivessem baixado a ponto de permitirem o regresso directo ao Catequero.
 
*
 
Mas a visita ao Ruacaná havia de fazer-se. E assim, na época seca, em Agosto, quando os capins aloiram ao sol nos campos de pasto, deixámos Otchinjau e, pelo enfiamento dos ásperos caminhos que atravessam as terras de um povo, quase isolado, de pastores, os Chavícuas, atingimos o Chitado à beira do Cunene.
Uma pescaria levou-nos ao rio por terreno fortemente ondulado, pedregoso. Acompanha-nos um comerciante da região.
O rio, depois das convulsões do Ruacaná, corre manso e espraiado. Pela tardinha notou-se para as bandas do mato o restolhar de animais.
A fauna selvagem era outrora senhora destas terras semidesérticas. Dizimada sem quartel pelos profissionais furtivos do outro lado da fronteira, aventureiros de todas as raças, brancos, mestiços e, quase exterminada, já nos nossos dias, pela ausência de fiscalização das leis da caça, pela facilidade da caça livre, vamos ultimamente, assistindo a um lento repovoamento natural destas regiões e já hoje é possível, a quem percorrer de carro as estradas da fronteira, avistar pequenos grupos de Cudos, os chavelhos retorcidos sobre o dorso, na fuga para o emaranhado da mata protectora, ou surpreender a alta acrobacia dos voos das impalas.”
 
 
(V. H. M., in “O Turismo”, número de Setembro de 1969)
 


publicado por zé kahango às 16:42
link do post | comentar | favorito

Equipa do blogue:
Editor e Redator: José "Kahango" Frade Coordenadora do Conselho Redatorial: Paula Duarte (A-Santa-Que-Me-Atura...) O Mui Ilustre Painel de Colaboradores: Dionísio Sousa (Cavaleiro dos Contos), "Funka" (Nobre Reporter Permanente), João "Neco" Mangericão (Moçâmedes), Jorge Sá Pinto (Assuntos Arqueológicos), José Silva Pinto (Crónica Quotidiana), Mané Rodrigues (Assuntos Culturais), MJT Pimentel Teixeira (Prospecções), Paulo Jorge Martins (Fauna Grossa), Ulda Duarte (Linguística da Huíla), Valério Guerra (Poeta Residente).
marcadores

a nossa gente(492)

a nossa terra(540)

crónica(16)

cultura(425)

editoriais(25)

livros(46)

memórias(36)

o futuro é já hoje(378)

todas as tags

pesquisar
 
posts recentes

para as terras de Ondjiva

Ovakwambundo - O povo do ...

só entre nós...

Muhumbe

antigas, do Quipungo

alegria, entre missangas....

o Óscar Gil, em reportage...

Herdeiro

faces - 6

faces - 5

faces - 4

Por que tenho de explicar...

faces - 3

faces - 2

faces - 1

por Angola

Os primeiros tchicoronhos

atenção

Gunga

Muhimba

moinho boer na Humpata

deixando a Palanca...

Macópios

Tomates

Mumuíla

demarcando fronteira...

Huíla

Contos do Vissapa - 8

Tômbua

apregoando boas mangas...

há muito para contar...

Quimbo - Gambos

a antiga atracção pelas á...

Côr!

trabalhos...

numa pausa...

seguindo a picada...

Humbe

para refrescar...

ponte na Chibia

Missão de Omupanda (Cuanh...

Otchinjau

Maneco de Capangombe

lançamento de "Viagem à t...

de José Viana Leitão de B...

preservar...

Estação Zootécnica, c. 19...

curiosidades...

O camacove...

colorida...

últimos comentários
Olá, sou brasileira eestou estudando a Lingua Gest...
SAPS prezados canhotos Esperado boa disposição de ...
Bem, Francisco Cubila, a notícia que comenta já te...
A Junta Regional de Luanda, não é representante do...
Sou um jovem formado e com experiência de trabalho...
olá, cursei Antropologia(faculldade de ciênçias so...
Obrigado.
A nossa terra é sempre inesquecível.Gostei do poem...
De facto vive na Baía dos Tigres nas décadas 1960 ...
Obrigado más não tinha o que eu queria saber
Olá Lurdes, sou angolana e estou a aprender Língua...
Boa Tarde , meu nome e Agnes e eu estou a fazer um...
Boa tarde Hilario,preciso muito falar com você,por...
No pais como este, tudo cidadaõ pretende estudar e...
No pais como este, tudo cidadaõ pretende estudar e...
posts mais comentados
22 comentários
7 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30
31


ligações
arquivos

Maio 2017

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

Angola

Ver mapa maior
Visitantes de todo o mundo...
Locations of visitors to this page
blogue inscrito em
Add to Technorati Favorites Places Blogs - BlogCatalog Blog Directory
o nosso contacto:
munhozfrade@gmail.com
subscrever feeds
blogs SAPO