Intensa paixão, tristeza profunda, sagrada esperança...
Segunda-feira, 11 de Maio de 2009
Caconda (Huíla):

Duplicaram alunos na rede de ensino


A bata branca de Joana Fernando, 13 anos, e dos restantes alunos que se encontram no pátio do recreio, marca o cenário da escola 22 de Novembro, em Caconda.
O sino toca às 10h30, momento de entrada para as aulas. Dezenas de crianças vão para as salas, acompanhadas pelos professores, que não medem esforços para ensinar. Uma professora aconselha as crianças: “não devem escrever nas paredes, partir os vidros, riscar as portas, escrever nas carteiras ou fazer barulho no corredor”. Tudo é feito com o propósito de preservar a escola que beneficiou de obras de restauro.
João Fernando está entre os muitos alunos que trocaram o tijolo pela carteira, a sombra de árvore pela sala de aula condigna. “Eu e os meus colegas agora já sentamos bem. Cada um tem carteira”.
A reabilitação, construção e apetrechamento de escolas duplicou o número de alunos no sistema educativo, no município de Caconda, passando de 26 para 50 mil, neste ano lectivo.
Adriano Fausto, o responsável da secção municipal da Educação, reconhece que este aumento resultou da materialização do programa do Governo de reabilitação de escolas e construção de salas de aulas no município.
O Programa de Melhoria e Aumento da Oferta de Bens e Serviços Sociais Básicos à População permitiu reabilitar 553 salas de aulas e a construção de novas escolas, facto que impulsionou o ingresso do dobro das crianças no sistema de ensino.
Adriano Fausto disse que foram admitidos, em concurso público 328 novos professores, para fazer face à nova realidade. O município conta, actualmente, com 800 docentes distribuídos nas escolas do ensino geral espalhadas nas comunas e aldeias de Caconda.
A secção da Educação distribuiu gratuitamente 35 mil manuais de diversas disciplinas, para os alunos das escolas do primeiro ciclo, no sentido de facilitar o ensino e aprendizagem dos conteúdos programados para este ano lectivo.
O responsável da Educação disse que o Governo tem em carteira projectos para a construção de mais escolas, para absorver, até 2015, 12.000 crianças que se encontram fora do ensino.
“As autoridades continuam a trabalhar para a criação de condições e prevê-se a construção de mais 52 escolas para inserir mais crianças”, disse. O município de Caconda, com 170.444 habitantes, tem 4.715 quilómetros quadrados e está 265 quilómetros a Norte da cidade do Lubango.

Desafio de ensinar

Carlos Dumbo, 23 anos, foi admitido como professor em 2006, no Lubango. Alguns dias depois recebeu a guia de colocação para trabalhar em Caconda, na comuna da Waba. Até então desempregado, Carlos Dumbo aceitou o desafio.
O professor, que lecciona a disciplina de Educação Cívica, à 7ª classe, explicou que quando chegou a Caconda, havia falta de alojamentos, transportes e escolas.
“Criei coragem para enfrentar e superar as dificuldades. Quero dar o meu contributo na formação dos angolanos e por isso vim ensinar as crianças a ler e a escrever”, disse Carlos Dumbo.
Aníbal Sapalo, 20 anos, é outro dos cerca de 800 professores do município. Lecciona no I Ciclo, numa das escolas do sector de Kassoco, a 19 quilómetros de Caconda. Lembra os momentos difíceis que passou quando chegou ao município de Caconda, vindo do Lubango.
“Adaptei-me à nova realidade. Angola é muito vasta, os municípios e povoações do nosso país precisam de jovens para transmitir conhecimentos. Aceitei o desafio. Agora, não temos motivos de queixas, os salários estão em dia e as condições de trabalho estão a melhorar”, disse Aníbal Sapalo.
Para Carlos Dumbo, finalista da Escola de Formação de Professores de Caconda, não se entende que jovens desempregados reclamem a falta de emprego e recusem a oportunidade de ganhar experiência e dinheiro noutras localidade.
“Tivemos colegas que, por causa de pequenos obstáculos não aguentaram um mês”, recorda, afirmando que “muitos deles actualmente arrependem-se porque as condições laborais e salariais estão a mudar”.

Educação de adultos

Carla Fele, 50 anos, caminha apressada para ocupar o seu lugar num grupo de mais velhos que assistem às aulas de alfabetização num dos bairros de Caconda. Leva na pasta os cadernos e o manual “Para gostar de ler e escrever”.
Inserida na quarta classe do ensino de adultos, Carla Fele faz parte de um grupo de 2.000 pessoas que aprendem a ler e a escrever. Apesar da idade, quer aproveitar esta oportunidade para adquirir conhecimentos de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências e Biologia.
“Meu filho, a idade não pesa. Estou aqui porque tenho que ajudar os meus netos. Por isso, devo aumentar os meus conhecimentos para conseguir explicar, naquilo que for possível”, salienta.
As aulas começaram em Janeiro e estão inseridas na segunda fase do Programa Nacional de Alfabetização e Aceleração Escolar (PAAE), em curso em Caconda.
O combate ao analfabetismo constitui o objectivo principal do programa, a cargo do Ministério da Educação. O processo, que envolve mais de 70 alfabetizadores na sede municipal, nas comunas do Waba e do Cusse, abrange adultos fora do sistema de ensino e os que, por razões de vária ordem, não tiveram oportunidade de frequentar a escola.
Embora o número de adultos contemplados seja satisfatório, há poucos professores, o que impossibilita a extensão das campanhas de alfabetização para outros bairros, sectores e comunas de Caconda, segundo o responsável da Secção da Educação, Adriano Fausto.
Estão em curso acções de formação de mais alfabetizadores para estender, no próximo ano, as aulas a todas as localidades do município. No ano passado foram formados 25 alfabetizadores.
“A falta de professores, de condições de trabalho e a insuficiência de manuais contribuiu, em grande medida, para o não alargamento das actividades de alfabetização a outros bairros do nosso município, conforme estava previsto”, disse Adriano Fausto.

 

por Domingos M. e Estanislau C., in Jornal de Angola



publicado por zé kahango às 11:05
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De guilherme a 21 de Setembro de 2012 às 13:47
gostei de saber do esforço que o governo tem feito mas quero que o governador de caconda falasse com o governador de kalukembe para olhar tambem aldeia de camassa ali vive um povo que deo muito para angola e ate aqui os seus filhos trabalham para o crescimento do mesmo.obrigado sempre:guilherme


De feliciano jose moreno a 9 de Julho de 2014 às 21:47
a grendeso muito emesso pela com laboração da população do municipio de caconda . passarão muitos anos de paz .queremo que caconda fica em premeiro lugar no nosso paiz em desevolvimento e progresso. em tambem queremos mas emprego para todos angolano . pricipalmente os nosso diregente . engenheiro a sua eselencia jose eduardo dos santo .presidente da Republica


Comentar post

Equipa do blogue:
Editor e Redator: José "Kahango" Frade Coordenadora do Conselho Redatorial: Paula Duarte (A-Santa-Que-Me-Atura...) O Mui Ilustre Painel de Colaboradores: Dionísio Sousa (Cavaleiro dos Contos), "Funka" (Nobre Reporter Permanente), João "Neco" Mangericão (Moçâmedes), Jorge Sá Pinto (Assuntos Arqueológicos), José Silva Pinto (Crónica Quotidiana), Mané Rodrigues (Assuntos Culturais), MJT Pimentel Teixeira (Prospecções), Paulo Jorge Martins (Fauna Grossa), Ulda Duarte (Linguística da Huíla), Valério Guerra (Poeta Residente).
marcadores

a nossa gente(492)

a nossa terra(540)

crónica(16)

cultura(425)

editoriais(25)

livros(46)

memórias(36)

o futuro é já hoje(378)

todas as tags

pesquisar
 
posts recentes

para as terras de Ondjiva

Ovakwambundo - O povo do ...

só entre nós...

Muhumbe

antigas, do Quipungo

alegria, entre missangas....

o Óscar Gil, em reportage...

Herdeiro

faces - 6

faces - 5

faces - 4

Por que tenho de explicar...

faces - 3

faces - 2

faces - 1

por Angola

Os primeiros tchicoronhos

atenção

Gunga

Muhimba

moinho boer na Humpata

deixando a Palanca...

Macópios

Tomates

Mumuíla

demarcando fronteira...

Huíla

Contos do Vissapa - 8

Tômbua

apregoando boas mangas...

há muito para contar...

Quimbo - Gambos

a antiga atracção pelas á...

Côr!

trabalhos...

numa pausa...

seguindo a picada...

Humbe

para refrescar...

ponte na Chibia

Missão de Omupanda (Cuanh...

Otchinjau

Maneco de Capangombe

lançamento de "Viagem à t...

de José Viana Leitão de B...

preservar...

Estação Zootécnica, c. 19...

curiosidades...

O camacove...

colorida...

últimos comentários
olá.. sou finalista do curso de serviço social. Me...
Olá, sou brasileira eestou estudando a Lingua Gest...
SAPS prezados canhotos Esperado boa disposição de ...
Bem, Francisco Cubila, a notícia que comenta já te...
A Junta Regional de Luanda, não é representante do...
Sou um jovem formado e com experiência de trabalho...
olá, cursei Antropologia(faculldade de ciênçias so...
Obrigado.
A nossa terra é sempre inesquecível.Gostei do poem...
De facto vive na Baía dos Tigres nas décadas 1960 ...
Obrigado más não tinha o que eu queria saber
Olá Lurdes, sou angolana e estou a aprender Língua...
Boa Tarde , meu nome e Agnes e eu estou a fazer um...
Boa tarde Hilario,preciso muito falar com você,por...
No pais como este, tudo cidadaõ pretende estudar e...
posts mais comentados
23 comentários
7 comentários
6 comentários
6 comentários
6 comentários
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
27

28
29
30
31


ligações
arquivos

Maio 2017

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Abril 2006

Março 2006

Angola

Ver mapa maior
Visitantes de todo o mundo...
Locations of visitors to this page
blogue inscrito em
Add to Technorati Favorites Places Blogs - BlogCatalog Blog Directory
o nosso contacto:
munhozfrade@gmail.com
subscrever feeds
blogs SAPO